Top products from r/brasil

We found 43 product mentions on r/brasil. We ranked the 427 resulting products by number of redditors who mentioned them. Here are the top 20.

Next page

Top comments that mention products on r/brasil:

u/Megabyte_2 · 1 pointr/brasil

> Mas repetindo, meu grupo de convivencia passa longe de religiosos.

Isso explica em parte.

> O seu segundo ponto também não faz sentido, uma instituição de caridade por natureza não deve receber lucro, é uma questão de nomenclatura mesmo. Se essa instituição recebe lucro, ela já é outra coisa.

Eu sabia que você iria falar isso, então reservei esse argumento para depois... porque é mais divertido. :D

As pessoas realmente acham que é muito certo que uma instituição de caridade não deve receber lucro. Mas Philip Kotler, que é referência em cursos superiores de Administração, escreveu o livro Marketing for Non-Profit Organizations. Ali, ele explica o porquê de instituições não governamentais deverem, SIM, buscar o lucro. Dentre os benefícios dessa abordagem, temos aumento de independência (inclusive governamental) e maior chance de ajudar a quem queremos.

Segue aqui um link da Amazon. O livro agora tem o nome de Strategic Marketing for Non-Profit Organizations: https://www.amazon.com/Strategic-Marketing-Non-Profit-Organizations-7th/dp/013175372X/ref=sr_1_1?s=books&ie=UTF8&qid=1485371053&sr=1-1&keywords=marketing+for+nonprofit+organizations+Kotler

Agora você pode devolver o meu voto, por favor? ;)

u/Cotopiro · 2 pointsr/brasil

https://www.amazon.com/Left-Right-Significance-Political-Distinction/dp/0226062465

Em resumo: esquerda valoriza igualdade acima da liberdade; direita a liberdade acima da igualdade.

Direita aceita a hierarquia como natural e inevitável. Esquerda aceita a restrição imposta pela sociedade como natural e inevitável.

Mas essa definição dele tem seus críticos, naturalmente.

u/itacirgabral · 1 pointr/brasil

>Em tese, de uma forma lógica e isenta. Analisaria de forma fria e calculista todos os aspectos positivos e negativos de cada candidato

Não confie tanto nos algoritmos, eles são feitos por humanos. Reproduzem o mesmo sistema de valores mas de forma 100% automática e sistemática. Eles parte de uma base de treinamento não ideal.

"Algoritmos são armas de destruição matemática"

https://youtu.be/_2u_eHHzRto

​

Além do mais política está em outro plano, não é uma questão técnica de otimização. Por exemplo, o desmonte da educação é um projeto de poder e não um incidente de má gestão. Se o objetivo da classe dominante é explorar e extrair riqueza, o problema é o próprio sistema e não a arquitetura dele.

​

Queremos uma polícia que não seja corrupta?

https://youtu.be/2NYtJ9LrXhk

ex-chefe de Polícia Civil do Rio de Janeiro Hélio Luz

u/Kalsed · 39 pointsr/brasil

Falar Top ajuda tanto quanto falar "ta uma merda" ou "foda-se". Mas aumenta o ego. Obviamente a pessoa que desenhou focou o tempo em sombras e luzes e detalhes, mas ta bem obio que quem desenhou não tem noção de anatomia, estrutura, proporção ou muita pratica. E isso é ok. Depende do que você procura. Se é um hobby, "só um desenho", ta bem legal. E muito bom que você passou 3 horas nele, mostra que você realmente gosta de desenhar.

Se você quer melhorar de verdade. Primeira coisa é aprender estrutura básica. Proporção, blocagem, anatomia etc. Entender um olho sempre vai fazer com que você possa desenhar olhos mais rápido, mais realistas e ai sim manipular ele para o tipo de olho que você quer. Seu desenho está muito 2D, mesmo com as sombras. tente entender que o olho é uma esfera dentro do cranio e envolta por pele. Não se preocupe tanto com sombras e luzes no começo, tenta primeiro fazer o olho funcionar.

Isso se da por vários motivos. Um deles é que você está desenhando o olho como um simbolo olho, o que vocÊ lembra como que seria um olho. Muito melhor tentar ignorar essa memória e praticar a observação, pelo menos até você entender. Tem um luvro chamado "desenhando com o lado direito do cerebro" https://www.amazon.com.br/Drawing-Right-Brain-Betty-Edwards/dp/1585429201 Recomendo bastante para entender isso.
Cílios longos, lápis mais escuro... Isso são detalhes. Não são eles que deixam seu desenho bom. O básico que deixa.
https://www.proko.com/how-to-draw-eyes-structure/ Proko é um mestre. Ignora as luzes, as sombras. Foca na estrutura.

Dito isso, pense agora no... Desenho. Um olho sendo só um olho não diz muito. Se foi um estudo, desenhe menor, desenhe mais. Um estudo não precisa de um olho renderizado. Ao menos que esse seja o foco do estudo. Um estudo precisa de 5 folhas, lotadas de olhos de vários angulos, alguns com contexto, olhos de diversas etinias, diversos formatos, com os 2 olhos muitas vezes (simetria é sempre bom de estudar). Se for um desenho finalizado, sempre pense num contexto, esse olho está no vazio? Numa pedra? num rosto? Numa pessoa desenhando um olho num papel? Desenhe esse contexto. Velocidade vem com o tempo, não se preocupa.

Espero que minha crítica, apesar de um pouco mais pesada tenha sido útil. Todo mundo que desenha já passou por essa parte. Se eu te falar "ta legal", você vai ficar feliz, mas vai cometer os mesmos erros pelo próximos 50 desenhos de 3 horas.

u/Osbbie · 2 pointsr/brasil

Na Amazon, eles estão vendendo como Absolute Sandman, que é a mesma coisa:

https://www.amazon.com.br/Absolute-Sandman-1-Neil-Gaiman/dp/8573516534

u/Aquatile · 0 pointsr/brasil

Ué na Amazon tá 94,30

Pode ser que entre em oferta relâmpago também, o volume 2 tá acabando agora a 84,90

u/lobops · 3 pointsr/brasil

Na verdade, cria-se muito mito em cima de nomenclaturas. O SRE veio da engenharia de software como bem aborda aquele famoso livro do Gene Kin o The Phoenix Project: A Novel about IT, DevOps... . O SRE hoje pela definição de onde se originou (o Google), e atuando dentro do Google propriamente, é o que seria em tese o nome que se dá erroneamente ao (Engenheiro DevOps)...que sabemos ser um nome de mercado...uma vez que na teoria não faz sentido algum.

​

O SRE é o cara que compreende a arquitetura dos projetos, de lógica de programação (podendo atuar nas mais diversas linguagens), apesar de ter maioria em python e GO, mas que resolve todo tipo de problema relacionado principalmente a operações. É uma tentativa de mercado de resgatar o MacGyver , que consegue juntar um chiclete e um clips e produzir uma bomba, mas com a intenção de contratar um Chuck Norris . No fim das contas, na prática, é o profissional pau para toda obra. O foda é quando pagam mal por isto.

​

Outra coisa também que atrapalha é o EGO e VAIDADE das pessoas em se entitularem tais coisas. Mal sabem da cilada que podem estar se envolvendo. A cilada de enganar o empregador que tem espectativa maior do que aquela que você anuncia, ou a cilada de cair uma porção grande de problemas no seu colo que muitas vezes não há maturidade e experiência para resolve-los. Essas coisas eu vejo com certa frequencia e claro, sempre me disponho a ajudar. Mas é bom dar este toque.

​

​

u/plain_platypus · -1 pointsr/brasil

Na linha do livro sobre feminismo, recomendo também o "Who Stole Feminismo", da autora Christina Sommers. Ela mesmo é uma ex-feminista que fala sobre como o movimento tomou os ares que tem hoje é que tipo de mulheres passaram a fazer parte dele. Ainda ganha bônus por ser uma mulher que pertencia esse meio, tirando o cartão do "homem hetero cristao e etc " q é bastante usado para desqualificar quem fala mal do movimento.
http://www.amazon.com/gp/aw/d/0684801566/ref=mp_s_a_1_1?qid=1426334635&sr=8-1&pi=AC_SY200_QL40&keywords=who+stole+feminism

u/dromni · 2 pointsr/brasil

Estou lendo o Echopraxia, a "sidequel" do Blindsight, a ficção científica mais depressiva de todos os tempos.

u/bicto · 2 pointsr/brasil

>Essa edição das obras do Dostoiévski com as capas coloridas são as traduzidas pelo Oleg?

Sim, mas tanto essa quanto essa são traduzidas pelo Oleg.


>EDIT: o que acha dessa tradução? Conhece?

Nunca tive a oportunidade de comparar a tradução dessa com a da Editora 34.

u/put-o-cat · 3 pointsr/brasil

Como entendi que vocabulário não é o seu problema, algumas dicas que talvez possam ajudar:

  • Escrever é A prática recomendada. Para se comunicar, você precisa encarar os problemas de comunicação.
  • Utilizar um material de referência inglês-inglês. Como gramática, uns anos atrás me sugeriram o "A Practical English Grammar", Thompson&Martinet, que você pode usar como material para ir direto na sua dificuldade.
  • Outro material de referência incrivelmente útil e que conheço a mais de 10 anos é English Made In Brazil que possui excelente material de referência e foruns.
  • Leituras de jornais (New York Times, a seção The Long Read do Guardian é ótima) dá acesso à gramática bem estruturada ou leitura de livros.
  • https://www.reddit.com/r/EnglishLearning/

    Espero que ajude.

    EDIT: última dica
u/diisiqueira · 3 pointsr/brasil

Cara, reinventar a roda não é ruim! Resolver problemas clássicos é uma ótima maneira de aprender e praticar é a melhor maneira de melhorar em algo. Eu sou o tipo de cara que gosta de aprender as coisas na prática então sou suspeito de falar mas vai lá e desenvolve. Essa minha aposta com meus amigos é justamente para nos forçar a isso, desenvolve qualquer coisa mesmo que seja algo completamente inútil, que é melhor do que ficar parado. Umas semanas atrás, nessa aposta um dos meus amigos desenvolveu um script que calculava se era ecologicamente correto urinar no chuveiro ou na privada, utilidade real do projeto é nula, mas fazendo isso ele já começou a aprender uma nova linguagem e investiu tempo em se tornar um programador melhor. Realmente meu conselho é faça, desenvolva! Uma dica é pegue pequenas coisas do seu dia-a-dia e resolva elas com programação, por exemplo, uma vez eu fiz um script que me perguntava quais ingredientes eu queria em um lanche, ai ele varria o site do iFood e me falava qual era a opção mais barata que eu tinha. Não tinha necessidade alguma de fazer isso, era muito mais rápido fazer uma busca manual, mas na época isso me ensinou a usar a BeautifulSoup e foi super divertido de fazer.

  1. Eu sempre tive a visão de que o mercado python no Brasil é bem mais fraco do que em outros países, não sei ao certo de porque, aqui na minha região por exemplo não conheço nenhuma empresa que seja especializada em python. Por outro lado aqui o grande foco das empresas é o PHP, em todos os níveis. PHP é realmente uma linguagem de entrada, por ser muito aberta e deixar a pessoa fazer as coisas de qualquer maneira, acaba sendo muito fácil de tornar uma pessoa capaz de criar códigos funcionais em PHP, depois quando aprendem melhor o paradigma da programação, muitas acabam migrando para outras linguagem.

  2. Atualmente eu tenho dois livros que ficam grudados na minha cabeceira da cama, e leio um pedaço todos os dias quando acordo, são eles o Clean Code e o Design Patterns. Tambem to de olho no The Pragmatic Programmer.

u/_Ausencia_ · 2 pointsr/brasil

Se você le inglês e tem uma visão mais cientifica do mundo, não tem melhor que esse:


https://www.amazon.com/12-Rules-Life-Antidote-Chaos/dp/0345816021

u/abhorrent_hooker · 6 pointsr/brasil

Talvez você precise de mais experiencia pra conseguir algo assim, mas ganhar em euros ou dólares é melhor que ganhar em reais.

  1. Treine seu inglês
  2. Pratique os exercícios desse livro
  3. Tente o processo da Toptal. Se não passar de primeira, pode tentar de novo mais pra frente

    Eu trabalho remoto direto pra uma empresa de fora, mas tenho vários amigos que trabalham pela toptal. Pelo que sei, ganham no começo 35 trumps por hora (os projetos podem ter horas variáveis), mas é um pé na porta pra conseguir algo melhor depois.

    Sobre areas, o que vejo mais oportunidade é front-end, principalmente com react, mas isso varia muito pra cada região.
u/pspenguin · 2 pointsr/brasil

realmente, não há exatamente um consenso sobre o que é devops, mas a meu ver é mais um filosofia do que realmente uma função. é um modelo de trabalho que procura quebrar os silos funcionais dentro de uma empresa e trazer uma maior integração entre elas, trazendo maior agilidade e resultados mais rápidos. Tudo isso permeado com bastante automação e melhoria continua sempre focado nos beneficos que isso vai trazer pro negocio. Sei que falando desse jeito parece um conceito bem vago, mas é algo que envolve coisas como:

  • automatizar infra-estrutura, para que o provisionamento seja mais eficiente, padronizado e reproduzivel
  • ambiente de entrega continua (continous delivery) - onde as aplicações vão "pro ar" de maneira automatiza e continua, e isso inclui uma serie de etapas como automatização de builds, testes e deploy
  • monitoramento e aprimoramento dos processos de recuperação, basicamente fazendo com que os problemas sejam corrigidos de maneira automatica, aumentando a resiliencia do ambiente.

    Esse link aqui pode te dar uma boa introdução no assunto: https://theagileadmin.com/what-is-devops/

    Além disso, te recomendo fortemente que leia um livro chamado The Phoenix Project, que conta a historia de uma empresa fabricante de auto-peças que precisava ganhar agilidade para enfrentar a concorrencia ou estariam fadados a fechar as portas.

    https://www.amazon.com/Phoenix-Project-DevOps-Helping-Business/dp/0988262592
u/Zbignich · 7 pointsr/brasil

Eu li um livro recentemente de um cara que fez isso. The Road Chose Me Volume 1: Two years and 40,000 miles from Alaska to Argentina https://www.amazon.com/dp/0995198918/ref=cm_sw_r_cp_apa_i_ubqKDb2WG2RV0

Tem um trecho no Panamá onde não tem estradas. Tem que mandar o carro de navio do Panamá para a Colômbia.

Tem que ter boa lábia e uma certa tolerância para a corrupção, especialmente nas fronteiras da América Central.

Tem que falar espanhol bem.

Eu não saberia dizer o custo. Um jipe de uns dez anos nos Estados Unidos deve ficar entre 10 e 15 mil dólares. A escolha do carro deve ser feita com base na facilidade de obter consertos.

u/DarknessMonk · 5 pointsr/brasil

> E, observando o longo prazo, o mundo nunca foi tão pacífico quanto é agora.

Passando só pra linkar o livro do Steven Pinker, The Better Angels of Our Nature: Why Violence Has Declined que fala exatamente sobre isso. Conheci via um amigo, e já está na minha lista de leituras faz algum tempo.

u/NativityS · 1 pointr/brasil

>E acabar com a procrastinação. Um dia desses contei, e gastei mais de SEIS HORAS procrastinando com coisas 100% inúteis.

Leia o livro "PROCRASTINAÇÃO: Guia científico sobre como parar de procrastinar (definitivamente)" de Lilian Soares. É um livro pequeno mas que ajuda muito. Estou no fim dele, mas já me ajudou bastante a entender os mecanismos mentais da procrastinação e como burlar esse loop maldito.

​

u/leothefair · 23 pointsr/brasil

Para quem tem interesse, tem um livro do João Barone sobre a participação do Brasil na 2a. Guerra Mundial que é sensacional. Um documentário que eu recomendo também se chama O Lapa Azul. É uma pena que o Brasil nunca valorizou seus pracinhas. Ano passado visitei Montese na Itália, o museu da FEB estava fechado no dia, mas quando a mulher descobriu que eu era brasileiro fez questão de abrir as portas para gente. Fiquei emocionado com a visita. A cidade inclusive tem várias homenagens aos pracinhas. Foram dos poucos momentos que senti orgulho de ser brasileiro.

u/matlockmatt · 11 pointsr/brasil

1- Arrume um emprego - vai conhecer pessoas, ganhar seu salario, e conhecer mais de si mesmo sobre que tipo de trabalho você quer fazer pro resto da sua vida ou não. Se não gostou do que trabalhou, mude. Ou, se não gosta mas paga bem e é algo suportável, fique. Essa história de trabalho dos sonhos é utopia. Você não precisa necessariamente amar seu trabalho, você pode gostar bastante do salário deste trabalho e as coisas que este salário te proporciona fazer, como viagens etc... Basta não ser um trabalho que te deixe louco por você odiá-lo.

2- Vá pra uma academia e cuide de sua aparência - vai melhorar sua auto estima

3- Faça algum esporte que goste ou tem interesse em fazer - outra boa forma de conhecer pessoas e criar amizades

Enfim, foque no seu desenvolvimento pessoal e social, não tem como você conhecer pessoas, ter amigos, conhecer potenciais namoradas sem sair de casa.

Also, leia este livro:
https://www.amazon.com.br/12-Rules-Life-Antidote-Chaos/dp/0345816021
Veja os vídeos dele, é um psicólogo professor da universidade de toronto e um cara muito foda que ja me esclareceu muita coisa.
Acredito que falta pouco tempo pra chegar o traduzido.

u/Bot_Metric · 5 pointsr/brasil

Eu li um livro recentemente de um cara que fez isso. The Road Chose Me Volume 1: Two years and 64,373.8 kilometers from Alaska to Argentina https://www.amazon.com/dp/0995198918/ref=cm_sw_r_cp_apa_i_ubqKDb2WG2RV0

Tem um trecho no Panamá onde não tem estradas. Tem que mandar o carro de navio do Panamá para a Colômbia.

Tem que ter boa lábia e uma certa tolerância para a corrupção, especialmente nas fronteiras da América Central.

Tem que falar espanhol bem.

Eu não saberia dizer o custo. Um jipe de uns dez anos nos Estados Unidos deve ficar entre 10 e 15 mil dólares. A escolha do carro deve ser feita com base na facilidade de obter consertos.

_____

^(I'm a bot) ^| ^Feedback ^| ^Stats ^| ^Opt-out ^| ^(v5.1)

u/TiaDoBatman · 5 pointsr/brasil

Livro: Brazillionaires

Site: depende do assunto. O que queres saber? Quem é quem na política? Se for o caso recomendo acompanhar o jornal Nexo mas sempre com uma Wikipédia do lado

Se for operação lava jato tem um 60 minutes apresentado por Anderson Cooper sobre

De qualquer forma precisa de alguns dias para saber que que tá rolando. No mais da pra dar uma seguida na Reuters ou the intercept ou BBC ou El País ou qualquer veículo estrangeiro na seção Brasil que eles dão um resumo bom

Also: video dos vlogbrothers sobre a crise política brasileira (um pouco datado já)

u/ikkebr · 3 pointsr/brasil

> 1) Como professor universitário você deve ter visto bizarrices (especialmente se foi em federal). Tem algumas histórias pra contar?

Não lembro de nenhuma história bizarra não. Era uma universidade privada e durante o turno da noite, então a maior parte dos meus alunos trabalhava durante o dia e no geral era um pessoal bem mais maduro do que o normal. Uma vez fomos num evento de tecnologia e um dos meus alunos me mostrou um site de vídeos de putaria (samba porno) e tal (achando que eu obviamente não manjava dos paranauês), e eu disse que era amigo do criador do site (que por sinal também estava no evento e é uma pessoa finíssima).

> 2) Poderia dar umas dicas para entrevistas (especialmente na área de TI)? Melhor roupa, o que não fazer, etc...

Tenha um LinkedIn atualizado (github também ajuda bastante), participe dos eventos de comunidade que você puder participar (e não só as semanas acadêmicas do teu curso). Embora TI seja uma área grande, boa parte das boas ofertas de emprego vão partir de pessoas que te conhecem ou já trabalharam com você, então é muito importante se relacionar bem e conhecer todo mundo (mesmo que sejam pessoas de áreas ou linguagens diferentes das que você trabalha).

Nunca tive problemas com dress codes, gosto de vestir camisetas engraçadas (threadless e tal). Se requer um pouco mais de formalismo, seja formal. Mas nas áreas que eu transito, pessoal é bem informal mesmo, com escritórios legais e coloridos, então não se importam muito com roupas desde que eu não esteja pelado (eu acho melhor não usar Crocs, nem Hawaianas, só pra garantir).

Tem dois livros bem interessantes, mesmo que você não vá fazer entrevistas nas empresas grandes, pois tratam sobre problemas de computação e tem explicações detalhadas que podem ajudar a melhorar a maneira como você resolve problemas. O primeiro é o Cracking the Coding Interview ( https://www.amazon.ca/Cracking-Coding-Interview-Programming-Questions/dp/0984782850/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1501540854) e o segundo é o Programing Interviews Exposed ( https://www.amazon.ca/Programming-Interviews-Exposed-Secrets-Landing/dp/1118261364/r ). Faz bastante tempo que li eles, mas esse segundo é bem interessante pq ele tem um compacto de tudo que você viu na graduação, de maneira bem corrida (você tem que ter aprendido as coisas), mas fácil de lembrar.

> 3) Me dá emprego?

Já fechei minha empresa

> Obrigado pelo AMA.

u/tcxavier · 1 pointr/brasil

Essa edição das obras do Dostoiévski com as capas coloridas são as traduzidas pelo Oleg? No site da editora Martin Claret vi apenas traduções de Herculano Villas-Boas

​

EDIT: o que acha dessa tradução? Conhece?

u/not_from_this_world · 12 pointsr/brasil

E por isso que eu gosto que o pessoal se exponha tentando falar de politica.
Os termos direita(right-wing) e esquerda(left-wing) são conhecidos mundialmente, muitos livros foram escritos no tema em todo lugar, durante anos. E Hitler é da direita. Mas o cara pode se encolher no cantinho dele, ignorar o mundo, e achar que o MEC ta conspirando.
Vai ler alguma coisa que presta, vai

u/vibrunazo · 16 pointsr/brasil

Se está interessado em se aprofundar no assunto de por que violência aumenta ou diminui. Sugiro ler esse livro do Steven Pinker que é referência mundial no assunto.

O livro foca mais no cenário global como um todo. Aonde a violência está diminuindo na média. Mas reconhece que em alguns focos na América latina violência está indo em direção contrária.

O livro é extremamente extenso, a explicação não é simples, são diversos fatores diferentes. Mas uma das teclas que ele bate bastante e nos parece bem familiar no Brasil, é um Estado ineficiente na área de segurança. Apesar de alguns políticos populistas estarem apelando pra sugestão de que deveria ser responsabilidade de cada indivíduo se defender sozinho. O que o livro mostra é que historicamente a evidência é bem forte de que quem faz segurança é a polícia. Os estados brasileiros aonde a polícia está mal paga, com greves, paralisações, é justamente aonde estão os piores focos de violência.